Vida dos Santos

Calendário de Eventos

Ver por ano Ver por mês Ver por semana Ver hoje Pesquisar Ir para o mês

São Pedro Damião

Domingo, 21 Fevereiro 2021por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.Visualizações : 1011

21Fev Pedro DamiaoSão Pedro Damião nasceu no ano de 1007 em Ravena (Itália) e faleceu a 21 de fevereiro de 1072 em Óstia (Itália). Existem duas versões sobre a origem familiar de São Pedro Damião, uma, diz que terá nascido no seio duma família nobre que mais tarde caiu em desgraça; outra afirma que o santo nasceu no seio duma família extremamente pobre. O certo é que na sua infância Pedro (nome de batismo) passou por sofrimentos e provações. Sabe-se que tinha vários irmãos e que ficou órfão muito novo. Foi o seu irmão mais velho, Damião de seu nome, que assegurou a sua educação. Damião era na altura o arcipreste de Ravena.
Pedro estudou teologia e direito canónico, primeiro na cidade de Ravena, depois em Pádua e Faenza e pouco depois de terminar os estudos já era um famoso professor na cidade de Parma. Mais tarde Pedro decidiu abandonar os seus estudos seculares e entrou para o isolado convento camaldulense de Fonte Avellana, perto de Gubbio (Itália). Como gesto de agradecimento ao seu irmão mais velho, Pedro assumiu o nome “Damião” ao receber a ordenação sacerdotal.
Aos vinte e um anos, São Pedro Damião foi eleito superior da Ordem Camaldulense. As regras de vida da Ordem já eram severas. São Pedro Damião, porém, tornou-as mais duras ainda. Começou a criticar com severidade severamente os conventos que abandonavam a pobreza. A influência de São Pedro Damião estendeu-se por vários mosteiros da Europa, entre eles Montecassino na Itália e Cluny na França. Estes, especialmente, passaram a seguir os conceitos de São Pedro Damião. Ele lutou incansavelmente para fazer com que a vida religiosa voltasse a seu sentido inicial de consagração total a Deus, na austeridade e na penitência.
Tanto como noviço quanto como monge, o seu fervor era notável, mas levava-o por vezes a tais extremos de auto-mortificação durante as suas penitências que a sua saúde acabou por se ressentir. Contudo quando recuperou, São Pedro Damião foi nomeado para ensinar os companheiros e, depois, a pedido de Guy de Pomposa (Guido d'Arezzo) e outros abades vizinhos, ensinou também em mosteiros.
São Pedro Damião era um padre de vocação contemplativa, simples, amante da vida monástica. Por isso, criticava duramente o luxo de autoridades eclesiásticas. Para isso, mencionava os apóstolos Pedro e Paulo, que percorreram vários países evangelizando, levando vida austera, e caminhando descalços. Inspirado nos conselhos de Jesus, insistia que, para anunciar a Palavra de Deus, era essencial despojar-se dos bens materiais. Assim, São Pedro Damião solidificou a austeridade na vida religiosa e deu este exemplo em toda sua vida.
Por volta de 1042, Pedro escreveu uma hagiografia de São Romualdo (http://www.paroquia-almancil.pt/utilidades/vida-dos-santos/icalrepeat.detail/2018/06/19/58357/-/s-romualdo.html) para os monges de Pietrapertosa. Logo depois de retornar a Fonte Avellana, foi nomeado economus (ecónomo) do mosteiro pelo prior, que também o apontou como seu sucessor. Em 1043, Pedro Damião tornou-se prior de Fonte Avellana e permaneceu no posto até morrer, em fevereiro de 1072.
Apesar de viver no retiro de um claustro, São Pedro Damião acompanhava atentamente a Igreja e, como seu amigo Hildebrando, o futuro papa Gregório VII, lutou para implantar suas reformas numa época de grande decadência da vida religiosa. Quando Bento IX renunciou ao seu pontificado em nome do arcipreste João Graciano (Gregório VI) em 1045, Pedro comemorou a mudança e escreveu para o novo papa urgindo-o a enfrentar os escândalos que atormentavam a igreja italiana, apontando nominalmente os corruptos bispos de Pesaro, de Città di Castello e de Fano.
Esteve presente em Roma aquando da coroação do Rei Henrique III e da sua consorte Inês e no sínodo realizado no Palácio Laterano no ano de 1047. Depois disto, o santo regressou ao seu eremitério. Por volta de 1050, durante o pontificado de Leão IX, escreveu um contundente tratado chamado "Liber Gomorrhianus" ("Livro de Gomorra") sobre os vícios do clero, incluindo o abuso sexual de menores e os esforços da hierarquia eclesiástica para escondê-los. Foi endereçada abertamente ao Papa.
Foi consagrado cardeal de Óstia em 30 de novembro de 1057 e nomeado administrador da Diocese de Gubbio.
Depois da morte de Estêvão, São Pedro Damião combateu vigorosamente o antipapa Bento X, mas acabou sendo vencido e retirou-se temporariamente para Fonte Avallana.
Por volta do fim de 1059, Pedro foi enviado como legado papal a Milão pelo papa Nicolau II.
No início de 1072 São Pedro Damião foi enviado a Ravena para reconciliar a população da cidade com a Santa Sé depois de todos terem sido excomungados por apoiarem o arcebispo na sua aliança com o incansável Cadalus. No caminho de volta, o santo foi acometido por uma febre perto de Faenza. Ele permaneceu enfermo por uma semana no mosteiro de Santa Maria degl'Angeli (moderna Santa Maria Vecchia) onde viria a falecer a 21 de fevereiro.
Foi canonizado pelo Papa Leão XII no ano de 1828. Na mesma ocasião foi declarado doutor da Igreja devido aos seus inúmeros escritos de teologia.

 

São Pedro Damião, rogai por nós!

Voltar

Autenticação

Registar

*
*
*
*
*
*

Fields marked with an asterisk (*) are required.

Liturgia

Secretariado Nacional de Liturgia

Agenda Litúrgica
  • S. Brígida, religiosa, Padroeira da Europa – FESTA Branco – Ofício da festa. Te Deum. Missa própria, Glória, pf. dos Santos. L 1 Gal 2, 19-20; Sal 33, 2-3. 4-5. 6-7. 8-9. 10-11 Ev Jo 15, 1-8 * Na Diocese de Viseu – Aniversário da Dedicação da Igreja Catedral. Na Sé – SOLENIDADE; nas outras igrejas da Diocese – FESTA * Na Ordem Franciscana (II Ordem) – B. Cunegundes, religiosa, da II Ordem – MF * Nas Dioceses de Cabo Verde – Ofício e Missa da féria.

Próximos Eventos

Não foram encontrados eventos

Santo do dia

Sex. Jul. 23
Santa Brígida

Diocese do Algarve

Diocese do Algarve

Website Oficial da Diocese do Algarve

Horário de visitas da Igreja de S. Lourenço

Pode visitar a Igreja de S. Lourenço nos seguintes horários

 

De 15 de Abril a 15 de Outubro (Horário de Verão)

 Segunda-feira: 15h00 - 18h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 18h00

 

De 16 de Outubro a 14 de Abril (Horário de Inverno)

Segunda-feira: 15h00 - 17h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 17h00

 

 Ao Domingo encontra-se encerrada para visitas.

Entradas pagas

Visitas

Visitas
3945
Artigos
5
Favoritos web
18