Erro
  • Erro ao carregar sinal web

Vida dos Santos

Calendário de Eventos

Mês anterior Dia anterior Dia seguinte Próximo mês
Ver por ano Ver por mês Ver por semana Ver hoje Pesquisar Ir para o mês

Santa Eulália de Barcelona

Terça-feira, 12 Fevereiro 2019por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.Visualizações : 3763

12fev S. Eulalia de BarcelonaSanta Eulália de Barcelona nasceu no ano 290 numa região próxima de Barcelona, (Espanha) e faleceu no ano 303 com apenas 13 anos na mesma cidade.

Santa Eulália de Barcelona era duma família nobre e rica e os seus pais possuíam uma grande propriedade nos arredores da corte.

Desde criança Santa Eulália descobriu as delícias da oração e dedicava-se a ela com prazer. Gostava de se reunir com as amigas no seu quarto e ali, passavam horas cantando salmos e hinos de louvor ao Senhor. Depois disso, saiam distribuindo os melhores bens que possuíam às crianças pobres da redondeza. Estas, por sua vez, estavam sempre batendo à porta da casa da santa, sabendo que seriam atendidas com amor.

Quando Santa Eulália tinha 13 anos começou a fazer-se sentir em Barcelona os efeitos da perseguição romana contra os cristãos promovidos pelo imperador romano Diocleciano. O juiz Daciano instala-se na cidade e tinha como missão acabar com o cristianismo nascente na região da Espanha; Daciano fora escolhido por ser implacável com os seguidores da Doutrina de Cristo. Os pais de Santa Eulália (de Barcelona), temendo pela vida, fugiram com a santa para uma segunda propriedade, mais distante. Contudo, Santa Eulália fugiu e apresentou-se voluntariamente ao arrogante juiz. Este ficou admirado de ver a coragem da menina, agora Santa Eulália de Barcelona. Consta nos livros que Santa Eulália terá dito ao juiz: "Querem cristãos? Eis aqui uma".

Como era seu desejo, Santa Eulália foi levada a julgamento e condenada a abjurar o cristianismo adorando deuses pagãos. Foi entregue a Santa Eulália de Barcelona sal e incenso para que os colocasse ao pé do altar. Santa Eulália, porém, negou-se decididamente e aproximando-se da estátua do deus pagão derrubou-a. De seguida, espalhou pelo chão os grãos de sal e incenso, o que deixou o juiz Daciano furioso. Perante a recusa de Santa Eulália, de prestar culto a deuses pagãos, Daciano condenou-a a treze martírios, tantos como os seus anos.

De acordo com a tradição foram estes os martírios a que Santa Eulália de Barcelona foi submetida:

Primeiro foi presa numa cela escura para depois ser espancada. Depois foi colocada na “roda” (instrumento de tortura) e a sua carne rasgada com garfos. Posteriormente foi colocada numa fogueira e os seus seios queimados, sendo as suas feridas lavadas com pedras toscas e de seguida colocado em cima azeite a ferver com chumbo derretido para ser deitada num poço de cal viva.

Um dos tormentos mais conhecidos que a Santa padeceu foi ser colocada nua dentro dum barril cheio de cristais, unhas e objetos afiados e o barril deitado pela rua abaixo, (com a santa dentro do barril). Foi ainda trancada num curral cheio de pulgas e passada nua pelas ruas da cidade até ao lugar onde foi crucificada numa cruz em forma de X. Por fim Santa Eulália terá sido decapitada. Depois da decapitada uma pomba saiu do pescoço de Santa Eulália.

Apesar de ter sofrido horríveis tormentos, Santa Eulália nunca negou a sua fé em Jesus Cristo.

 

Santa Eulália de Barcelona rogai por nós!

Voltar

Autenticação

Registar

*
*
*
*
*
*

Fields marked with an asterisk (*) are required.

Liturgia

Secretariado Nacional de Liturgia

Agenda Litúrgica
  • Verde – Ofício do domingo (Semana IV do Saltério). Te Deum. + Missa própria, Glória, Credo, pf. dominical. L 1 Jer 38, 4-6. 8-10; Sal 39 (40), 2-3. 4. 18 L 2 Hebr 12, 1-4 Ev Lc 12, 49-53 * Proibidas as Missas de defuntos, excepto a exequial. * Em todas as Dioceses de Portugal – Ofertório para a Pastoral da Mobilidade Humana (Migrações, Apostolado do Mar, Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos e Refugiados). * Na Congregação de Nossa Senhora da Caridade do Bom Pastor – I Vésp. de S. João Eudes. * II Vésp. do domingo – Compl. dep. II Vésp. dom.

Próximos Eventos

Não foram encontrados eventos

Diocese do Algarve

Diocese do Algarve

Website Oficial da Diocese do Algarve

Ecclesia

Horário de visitas da Igreja de S. Lourenço

Pode visitar a Igreja de S. Lourenço nos seguintes horários

 

De 15 de Abril a 15 de Outubro (Horário de Verão)

 Segunda-feira: 15h00 - 18h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 18h00

 

De 16 de Outubro a 14 de Abril (Horário de Inverno)

Segunda-feira: 15h00 - 17h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 17h00

 

 Ao Domingo encontra-se encerrada para visitas.

Entradas pagas

Onde Estamos

Visitas

Visitas
3945
Artigos
3
Favoritos web
18