Vida dos Santos

Calendário de Eventos

Mês anterior Dia anterior Dia seguinte Próximo mês
Ver por ano Ver por mês Ver por semana Ver hoje Pesquisar Ir para o mês

Santa Bernardette

Segunda-feira, 16 Abril 2018por Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.Visualizações : 1755

16Abr Bernardette SoubirousSanta Bernardette Soubirous nasceu a 7 de janeiro de 1844 em Boly, Lourdes (França) e faleceu em Nevers (França) a 16 de abril de 1879. Os pais de Santa Bernardette (Francisco Soubirous e Luísa Castèrot) não eram pobres e o seu pai era moleiro e locatário do moinho de Boly. O negócio corria bem e Santa Bernardette é a mais velha de 9 crianças, das quais apenas 4 atingirão a idade adulta. Santa Bernardette foi batizada como Marie-Bernarde porém os seus familiares chamavam-lhe Bernardette, diminutivo do nome Marie-Bernarde. De saúde frágil, em novembro de 1844, Santa Bernardette é enviada para Bartrès, para a casa de uma ama, a fim de se restabelecer. Em abril de 1846 Santa Bernardette retorna ao moinho. Os seus pais são pessoas boas, piedosas e generosas com os pobres. Mais tarde, os momentos difíceis virão: a morte dos irmãos e irmãs e ferimentos graves do pai no trabalho, que acabará por perder um olho.

A "revolução industrial" fará o resto. O moinho deixa de ser rentável e a família de Santa Bernardette deixa de conseguir pagar o aluguer do mesmo sendo expulsa em junho de 1854. Francisco Soubirous aluga um moinho menor, mais barato, mas menos lucrativo. O pai de Santa Bernardette vê-se então obrigado a trabalhar para outros enquanto a sua mãe vai fazer o trabalho doméstico e ficando Santa Bernadette fica em casa a cuidar dos irmãos. Santa Bernardette não vai à escola nem ao catecismo e, portanto, não pode fazer sua primeira comunhão.

Em 1854, Santa Bernadette sofria de cólera, ficando muito debilitada e extremamente enfraquecida.

Em fevereiro de 1857, o primo do seu pai, Sajous, concordou em alojá-los gratuitamente numa sala chamada "Le Cachot". “Le Cachot” é uma velha cela de prisioneiros; um quarto, escuro e insalubre, que servirá de cozinha e espaço para 6 pessoas. De setembro de 1857 a janeiro de 1858, Santa Bernadette voltou a Bartrès com sua enfermeira. Santa Bernardette cuida das tarefas domésticas e mantém as ovelhas; começa a aprender o catecismo e a preparar a sua primeira comunhão.

Em janeiro de 1858 Santa Bernardette volta para junto dos pais. A partir dessa altura Santa Bernardette frequenta o hospício das irmãs que também funcionam como escola cristã de Nevers. Santa Bernardette vai também frequentemente com a irmã e as amigas da sua idade, apanhar lenha para se aquecerem em casa.

No dia 11 de fevereiro de 1858, em Lourdes, Santa Bernadette viu a aparição de uma "senhora" envolta em luz na gruta denominada massabielle ("pedra velha" ou "rocha velha"), junto à margem do rio Gave. Nossa Senhora de Lourdes (http://www.paroquia-almancil.pt/utilidades/vida-dos-santos/icalrepeat.detail/2018/02/11/12753/-/nossa-senhora-de-lourdes.html) apareceu por 18 vezes a Santa Bernardette.

No ano de 1860, Santa Bernadette foi para o Hospital das Irmãs da Caridade de Nevers, em Lourdes. Ali recebeu instrução e, em 1861, fez pelo próprio punho o primeiro relato escrito das visões de Nossa Senhora. No dia 18 de janeiro de 1862, Monsenhor Bertrand Sévère Laurence, Bispo de Tarbes, reconheceu pública e oficialmente a realidade do fato das aparições.

Em julho de 1866, Santa Bernadette inicia o noviciado no convento de Saint-Gildard e, em 30 de outubro de 1867, faz a profissão de religiosa da Congregação das Irmãs da Caridade de Nevers. Dedicou-se à enfermagem até ser imobilizada, em 1878, pela doença que lhe causou a morte.

Faleceu a 16 de abril de 1879 em Nevers.

Santa Bernardette foi canonizada pelo Papa Pio XI a 8 de dezembro de 1933.

 

Santa Bernardette rogai por nós!

Voltar

Autenticação

Registar

*
*
*
*
*
*

Fields marked with an asterisk (*) are required.

Liturgia

Secretariado Nacional de Liturgia

Agenda Litúrgica
  • Verde – Ofício da féria. Missa à escolha (cf. p. 18, n. 18). L 1 Prov 21, 1-6. 10-13; Sal 118 (119), 1 e 27. 30 e 34. 35 e 44 Ev Lc 8, 19-21 * Na Ordem dos Carmelitas Descalços – B. Josefa Naval Girbés, virgem secular – MF

Próximos Eventos

Não foram encontrados eventos

Diocese do Algarve

Diocese do Algarve

Website Oficial da Diocese do Algarve

Ecclesia

Agência ECCLESIA

Agência de Informação
  • Mensagem de Marcelo Rebelo de Sousa deixa «recomendações e alertas societais» Coimbra, 24 set 2018 (Ecclesia) – O presidente da República Portuguesa enviou uma “mensagem de apoio” á Cáritas Diocese de Coimbra, no âmbito da Rede Temática SHAFE da Comissão Europeia, com “várias recomendações de trabalho e alertas societais” “O desafio que é lançado através do […]

  • Faro, 24 set 2018 (Ecclesia) – A Diocese do Algarve apresentou este sábado as linhas programáticas para 2018/2019, sob o tema “Celebrar a família – Ser Igreja Missionária”, no segundo ano do programa trienal. A Assembleia Diocesana reuniu cerca de 460 representantes das paróquias, dos serviços e movimentos da igreja algarvia no salão paroquial de […]

  • Dirigentes «entusiasmados» para dar início às atividades diocesanas Portalegre, 24 set 2018 (Ecclesia) – O Movimento dos Cursos Cristandade, na Diocese de Portalegre-Castelo Branco, começou o novo ano pastoral 2018/2019 no ‘Encontro Nacional de Dirigentes’ do movimento, e já calendarizou as primeiras reuniões e ultreias. Num comunicado enviado à Agência ECCLESIA, o movimento realça que […]

Horário de visitas da Igreja de S. Lourenço

Pode visitar a Igreja de S. Lourenço nos seguintes horários

 

De 15 de Abril a 15 de Outubro (Horário de Verão)

 Segunda-feira: 15h00 - 18h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 18h00

 

De 16 de Outubro a 14 de Abril (Horário de Inverno)

Segunda-feira: 15h00 - 17h00

Terça-feira a Sábado: 10h00 - 13h00 e 15h00 - 17h00

 

 Ao Domingo encontra-se encerrada para visitas.

Entradas pagas

Onde Estamos

Visitas

Visitas
3945
Artigos
2
Favoritos web
18